Support Wikileaks

Se compreender é impossível, conhecer é necessário.
Primo Levi

“Do rio que tudo arrasta se
diz que é violento
Mas ninguém diz violentas as
margens que o comprimem” B.Brecht

"Politicians should read science fiction, not westerns and detective stories." - Arthur C. Clarke

Time is so old and love so brief
Love is pure gold and time a thief (Billie Holiday)

Ai que preguica! (Macunaima)

No creo en la eternidad de las peleas
Y en las recetas de la felicidad (John Drexler, Mercedes Sosa)

Na aula de hoje: Todo vice é um Kinder Ovo; vem com uma surpresa dentro.



terça-feira, 9 de julho de 2013

Estados Unidos interceptam centenas de milhões de mensagens latino americanas


A independência da América Latina está ameaçada por aspectos geográficos da infra-estrutura daInternet e por subterfúgios criptográficos dos Estados Unidos para monitorar a comunicação digital, como afirma o fundador do WikiLeaks, Julian Assange.
http://actualidad.rt.com/actualidad/view/99587-assange-eeuu-intercepta-mensajes-latinoamericanos

domingo, 7 de julho de 2013

Declaração à imprensa do Ministro Antonio Patriota sobre denúncia de espionagem contra cidadãos brasileiros


Nota nº 237
Declaração à imprensa do Ministro Antonio Patriota sobre denúncia de espionagem contra cidadãos brasileiros
Declaração à imprensa do Ministro Antonio de Aguiar Patriota sobre denúncia de espionagem por agências de inteligência norte-americanas.



07/07/2013 -

Transmite teor da declaração à imprensa do Ministro das Relações Exteriores Antonio de Aguiar Patriota, feita hoje, 7 de julho de 2013, sobre a denúncia de que cidadãos brasileiros foram objeto de espionagem por parte de agências de inteligência norte-americanas.

"O Governo brasileiro recebeu com grave preocupação a notícia de que as comunicações eletrônicas e telefônicas de cidadãos brasileiros estariam sendo objeto de espionagem por órgãos de inteligência norte-americanos.

O Governo brasileiro solicitou esclarecimentos ao governo norte-americano por intermédio da Embaixada do Brasil em Washington, assim como ao Embaixador dos Estados Unidos no Brasil.

O governo brasileiro promoverá no âmbito da União Internacional de Telecomunicações (UIT) em Genebra, o aperfeiçoamento de regras multilaterais sobre segurança das telecomunicações. Além disso, o Brasil lançará nas Nações Unidas iniciativas com o objetivo de proibir abusos e impedir a invasão da privacidade dos usuários das redes virtuais de comunicação, estabelecendo normas claras de comportamento dos Estados na área de informação e telecomunicações para garantir segurança cibernética que proteja os direitos dos cidadãos e preserve a soberania de todos os países."

fonte: Itamaraty

Rafael Correa no Al Jazeera


Meia hora com Evo Morales - video do Democracy now!




http://www.democracynow.org/2010/12/10/bolivian_president_evo_morales_on_wikileaks

Amy Goodman transmitindo de Cancun, Conferência das Mudanças Climáticas.

Depois de se identificar - ela faz parte da organzação Democracia Agora, faz perguntas a Evo Morales sobre: o vazamento por parte do Wikileaks de que um funcionário de alto escalão da Casa Branca sugeriu a neutralização, cooptação ou marginalização de países como Bolivia e Ecuador.

Morales reconhece a espionagem por parte dos Estados Unidos, antes e depois de Obama. Diz que os cablegates do Wikileaks confirmam o que a Bolivia já denunciara antes: a diplomacia do Império. Seu método é o de gerar desconfiança entre os países latino americanos. Ele acredita que não conseguirão tal intento.

Morales fala da divulgação da falsa notícia de que ele, Morales, tinha um tumor no nariz com a intenção de desestabilizar.

http://www1.folha.uol.com.br/mundo/838494-ministro-brasileiro-disse-a-eua-que-evo-morales-tinha-tumor-no-nariz-bolivia-nega.shtml

Diz também que não se arrepende da expulsão do embaixador dos estados unidos (2008), lembrando que depois disso não teve mais golpes de estado na Bolivia.

http://pt.wikinews.org/wiki/Embaixador_venezuelano_em_Washington_j%C3%A1_foi_informado_de_sua_expuls%C3%A3o

Respondendo sobre a crítica feita por Vargas LLosa sobre seu governo, Morales responde que os povos indígenas sempre foram vítimas de algumas pessoas educadas, alguns escritores ou romancistas.

Precisamos ser pacientes, resilientes à discriminação. como alguém que me trata como um palhaço pode receber um Prêmio de Nobel? O mundo deve admirar-se sobre o tipo de gente que está recebendo prêmios Nobel. Deixamos isto para o debate e a análise dos povos do mundo.

http://elcomercio.pe/mundo/341934/noticia-mario-vargas-llosa-evo-morales-no-presidente-democratico

Evo Morales a RT sobre el bloqueo de su avión: "Mi pecado es ser indígena y antimperialista"

sexta-feira, 5 de julho de 2013

Declaração de Cochabamba

Resumo da reunião em Cochabamba assistida ao vivo pela TV Boliviana.

DECLARAÇÃO DE COCHABAMBA

Denúncia à comunidade internacional a flagrante violação dos tratados internacionais.Pedem à França, Italia Portugal e Espanha que - além de pedirem desculpas publicamente sejam transparentes na explicação sobre o que motivou a decisão política de não permitir o pouso da nave presidencial boliviana.

Foi formada uma comissão encarregada de realizar, através de seus chanceleres, as ações necessárias para esclarecimento dos fatos.

Estendendo a ofensa aos povos e nações da América Latina, pedem inclusive, na data de 4 de julho de 2013, que as Nações Unidas e organismos regionais se pronunciem sobre este fato injustificável.

MUJICA:
Parece que tem potências que querem aplicar um espírito de terrorismo político sobre o direito de asilo uma instituição que defendemos, todos os lutadores da história da humanidade. Em nome dos que foram perseguidos e dos que seguirão sendo perseguidos, o direito de asilo nos parece um principio sagrado.

Meteran la pata se equivocaram...já não somos colonias, somos o que somos merecemos respeito e quando um país, um governante é agredido nos sentimos agredidos todos em América Latina.

Então pedimos, em nome da civilização : altura, decência.

Comentando que somos passíveis de erro e quívocos, pede aos agentes dessa situação internacional injustificada e imprudente, que ponham a cara pra bater e assumam a responsabilidade das decisões que tomaram.
"ay que poner la cara e assumir a responsabilidade".